SINDIBOMBEIROS
São Paulo, Quinta-feira, 22 de abril de 2021
SindiBombeiros SindiBombeiros
 
O Sindicato

Convenções

Serviços

Legislação

Galeria de Fotos

Subsedes

SINDICATO QUER VACINAS PARA CATEGORIA
publicada em 25/03/2021 16:57:09

 

Por entender que a atividade profissional de bombeiro civil é essencial para a sociedade e em harmonia com a Lei Federal Nº 14.023, o presidente do Sindibombeiros SP, Derivaldo Alves do Nascimento, solicitou ao governador do Estado de São Paulo, João Doria, a inclusão da categoria no roteiro de vacinação anunciado no último dia 24 de março, que estende aos policiais militares e professores a vacinação contra a Covid-19.  

 

Conforme anunciado pelo governador, a partir do dia 5 de abril começarão a ser vacinados 180 mil profissionais da segurança pública, que incluem: policiais militares, policiais civis, bombeiros militares, agentes penitenciários e guardas civis municipais. Aos professores, a imunização terá início no dia 12 de abril para 350 mil trabalhadores, entre professores, diretores, inspetores e outros funcionários que atuam nas escolas do Estado, dos municípios e da rede privada.  

 

Diante então da não inclusão dos bombeiros civis nos segmentos anunciados para a vacinação, o presidente Derivaldo Alves enviou ao governador Doria um e-mail com a solicitação para incluir os profissionais da categoria. “O pedido se dá porque nossa categoria bombeiros civis fora declarada categoria diferencial e essencial, inclusive considerada essencial através da Lei Nº 14.023, de 08 de julho de 2020, recentemente promulgada”, destacou Derivaldo 

 

A lei federal em questão diz que são considerados profissionais essenciais ao controle de doenças e à manutenção da ordem pública: médicos; enfermeiros; fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, fonoaudiólogos e profissionais envolvidos nos processos de habilitação e reabilitação; psicólogos; assistentes sociais; policiais federais, civis,  militares, penais, rodoviários e ferroviários e membros das Forças Armadas; agentes socioeducativos, agentes de segurança de trânsito e agentes de segurança privada; brigadistas e bombeiros civis e militares.  

 

Para o presidente do Sindibombeiros, “será de suma importância para a categoria dos bombeiros civis que sejam incluídos para vacinação contra a Covid-19 junto aos militares, já que necessitam trabalhar diariamente e utilizam de transporte público coletivo, estando mais expostos aos riscos dessa pandemia”.  

 


Acesse outras Noticias


msxml3.dll error '80070005'

Access is denied.

/hotsite/includes/leitor_rss.asp, line 79